A operação foi chamada de “Samburá” e investiga os crimes de estupro de vulnerável, produção, armazenamento e compartilhamento de pornografia infantil. Mandados de busca e apreensão foram cumpridos na residência de um investigado por crimes relacionados ao abuso e exploração sexual infantil, na manhã desta quarta-feira (29), pela Polícia Federal, em Belém.

Além disso, foram cumpridos sete mandados de quebra de dados telemáticos, duas prisões em flagrante, uma prisão preventiva, e identificação e resgate de quatro vítimas vulneráveis abusadas sexualmente, de acordo com balanço da PF.

Até então, as ações de combate à exploração sexual infantil do Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos (GRCC) da Superintendência da PF cumpriram, este ano, sete mandados de busca e apreensão nas cidades de Baião, Moju, Vigia, Ananindeua e Belém. As investigações ainda seguem em andamento.

Com informações Ascom / PF

Foto Ascom / PF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui