A parceria entre a companhia de ferramentas motorizadas STIHL e o Instituto Floresta Tropical (IFT) gerou mais uma importante conquista para os moradores da Reserva Extrativista Arióca Pruanã, localizada no município de Oeiras do Pará, nordeste paraense. No último dia 12 de fevereiro, os manejadores da Cooperativa Mixta Agroextrativista da Resex Arioca Pruanã (COOMAP) receberam diversos equipamentos doados pela empresa.

A entrega das ferramentas, destinadas ao manejo florestal, ocorreu na sede da associação de moradores da Resex, na comunidade Deus Proverá. A doação faz parte de um projeto firmado entre a companhia e o IFT com o objetivo de fortalecer o manejo florestal na Unidade de Conservação. O acordo, assinado em novembro de 2019, prevê o fortalecimento das organizações locais, a doação de ferramentas e o aprimoramento técnico especializado aos manejadores comunitários.

 “Ficamos muitos felizes com mais esse benefício da STHIL. Temos certeza que esses equipamentos vão ajudar ainda mais a produção da nossa cooperativa, pois, ganharemos mais tecnologia e desenvolvimento para o manejo comunitário”, afirmou José Filho, presidente da COOMAP.

Fortalecimento da cadeia produtiva

José lembrou que essa conquista só foi possível graças ao fortalecimento e legalização das atividades da cooperativa agroextrativista da Unidade de Conservação. A entidade nasceu através das oficinas promovidas pelo IFT, que possibilitaram diversas orientações aos comunitários como capacitações técnicas sobre cooperativismo e associativismo, cadeia de valor do açaí, segurança do trabalho e técnicas de manejo adequado.

 “A gente tem a premissa que levar a mensagem do cooperativismo para dentro das casas das famílias da comunidade faz toda a diferença. Hoje a cooperativa está se verticalizando do sentido de se organizar – neste primeiro momento – para depois fazer a etapa de comercialização dos produtos, principalmente em relação às cadeias produtivas advindas do manejo da madeira e do açaí. E a entrega desses equipamentos ajudam a colocar esse planejamento em prática”, declarou o cooperado.

“Além desses equipamentos entregues para a COOMAP, a parceria com a STIHL também já contemplou a associação de moradores da Resex com uma pequena embarcação motorizada. O veículo, doado em outubro do ano passado, tem ajudado na logística da produção agroextrativista feita pela comunidade”, explicou o engenheiro florestal Marcelo Galdino, coordenador do programa Florestas Comunitárias, do IFT.

Galdino também destacou a importância da parceria IFT e STIHL e afirmou que o principal objetivo dessa iniciativa é o fortalecimento e a promoção do manejo florestal na localidade. “O IFT e a STIHL são parceiros há mais de vinte anos.  O acordo firmado em 2019 e a entrega desses equipamentos para os manejadores da Resex Arióca Pruanã são resultados práticos dessa parceria”.

Visita à comunidade

Em julho do ano passado os representantes da STIHL visitaram a Resex Arióca Pruanã e conheceram de perto a área de manejo da Unidade de Conservação. A programação do evento contou com um curso de manutenção de motosserras, entrega de equipamentos, reunião com a comunidade e visita à área de manejo. “Conhecer de perto a organização social dessas comunidades e ouvir as pessoas que constroem na prática o manejo florestal comunitário são oportunidades únicas para entender um pouco mais dessa realidade e desse trabalho fundamental para a desenvolvimento sustentável da região”, destacou o vice-presidente de marketing e vendas da STIHL no Brasil, Romário Pereira Brito, durante a visita.

Arióca Pruanã

Desde 2017 o IFT em parceria com o Fundo Amazônia desenvolve ações de incentivo ao manejo florestal comunitário para uso e comercialização de madeira e açaí na Resex Arióca Pruanã. Localizada no município de Oeiras do Pará, região nordeste do estado, a Unidade de Conservação dispõe de uma área de 83.445 hectares. Na UC moram 565 famílias, divididas em 27 comunidades que se organizam em seis polos comunitários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui