Com 560 metros de extensão, a estrutura possui 15 apoios divididos em 14 vãos com pilares e uma viga travessa, e vigas longarinas fabricadas no próprio canteiro de obras. A fundação está totalmente concluída, e agora a obra avança para concluir a mesoestrutura formada pela instalação dos pilares e vigas. O empreendimento envolve a geração de 144 empregos diretos e indiretos, incluindo mão de obra local. O projeto já está alcançando seus 80% de conclusão. A estrutura de concreto está sendo erguida na Rodovia PA-151, e será o principal eixo de integração entre Igarapé-Miri com outros municípios da região, especialmente Cametá e Mocajuba. A ponte deve ser concluída no primeiro trimestre de 2022.

INTEGRAÇÃO

Quando estiver pronta, a ponte permitirá a navegação de embarcações de até oito metros de altura. O empreendimento será um importante eixo de integração da malha viária, que além de interligar municípios da região, vai acelerar o desenvolvimento do comércio regional.

A obra de construção da ponte sobre o rio Meruú é uma demanda histórica da região do Baixo Tocantins. Com a conclusão e a entrega da ponte, a economia fomentará ainda mais a cadeia produtiva do açaí daquela região, maior produtora do fruto do Brasil, e ainda garantindo maior segurança no modal rodoviário, influenciando de forma direta na educação, segurança, cultura e na integração de toda aquela região.

A ponte deve ser concluída no primeiro trimestre de 2022

Com informações / Ag.Pará

Fotos Rodrigo Pinheiro / Ag.Pará

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui