A Norte Energia, empreendedora da Usina Hidrelétrica Belo Monte, fez a entrega de mais 1.500 testes rápidos de Covid-19 na tarde da última segunda-feira (11), ao Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), que fica em Altamira, no sudoeste do Pará. A iniciativa da concessionária deve reforçar a estrutura de saúde para detecção da doença entre os indígenas aldeados na região do Médio Xingu. 

De acordo com o chefe da divisão da Atenção à Saúde Indígena do DSEI, Alzirio Lino Couto, este reforço das entregas é importante para garantir a segurança dos aldeados. “A partir da identificação, a gente intensifica o trabalho nas aldeias para conscientizar os indígenas sobre a importância do isolamento e proceder com os tratamentos necessários”, explica o chefe da divisão. 

Com mais esta entrega, a empresa já repassou 2.500 testes rápidos e quatro veículos para apoio aos atendimentos de saúde indígena no DSEI; EPIs como máscaras descartáveis e álcool em gel 70% e luvas, para a Funai e colaboradores das Unidades de Proteção Territorial (UPTs). Foram doadas, ainda, 1.500 cestas básicas à Fundação Nacional do Índio (Funai) para distribuição às comunidades indígenas, localizadas na área de influência da Usina. Cada cesta básica pesa 84 quilos, totalizando 126 toneladas de alimentos, que foram entregues de acordo com as recomendações dos órgãos de saúde, com o objetivo de colaborar com a manutenção do distanciamento social determinado pela Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI). 

“Para a Norte Energia, é muito importante o estabelecimento dessa parceria com o DSEI, pois a iniciativa visa a segurança de todos os colaboradores da saúde que hoje atuam nas ações essenciais, assim como à população indígena considerada mais vulnerável no período de pandemia”, destaca a Superintendente Socioambiental e de Assuntos Indígenas da Norte Energia, Luciana Soares.   

(Com informações da Norte Energia)

Foto: Ascom/Norte Energia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui